quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Tirando o Pó (uma carta de amor)


Uma Carta De Amor


Pensei tanto e não consegui escolher para quem escrever.
Amo e amei tantas pessoas e teria tanto a dizer a cada uma delas que escolher uma tornou-se tarefa impossível para mim.
Resolvi então escrever sobre um dos aspectos do amor.
Não é da dor, nem da alegria que ele nos dá, tampouco o êxtase e a agonia de alguns amores,
muito menos da melancolia por saber que o destino de qualquer amor é a separação ou a morte.
Nós esbarramos na vida com pessoas, as mais variadas, algumas passam desapercebidas, outras nos chamam a atenção, algumas se vão logo e outras nos acompanham por um longo tempo, o melhor pedaço desses encontros são os presentes que algumas pessoas nos dão. Chamo de presentes as marcas e as mudanças que eles provocam.
(Falar de pai e mãe não vale, eles me deram demais, não dá para enumerar.)
Alguns encontros nos apresentam a autores, a musicas, filmes, posições politicas, filosofias, que não faziam parte de nós e que a partir deles passam a fazer, tirando o pó dos nossos neurónios, chacoalhando nossas estruturas, ampliando nosso mundo e as vezes mudando o rumo da nossa caminhada. Eles nos deixam vivos, nos põem em movimento, não permitem que cristalizemos. E se sofrer por eles, será um preço pequeno pelo muito que recebemos.
(Grafite de Jean Michel Basquiat)

68 comentários:

A Magia da Noite disse...

quando não souber a quem escrever, escreva-se, diga-o a sim mesma, porque amar-se é a primeira forma de amar os outros.

.Lis disse...

São várias formas de amor e todas nos ajudam nessa caminhada e todos nos elevam a alma. Gostei da sua forma especial de falar de amor, dedicando a todos que a lerem. E como diz é mesmo o amor que "nos poem em movimento..."
Abraços e afetos

angela disse...

Magia
É uma boa solução.
abraços

angela disse...

Lis
Obrigada pela visita e pela leitura atenciosa.
abraços

missosso disse...

que bela maneira de falar desses muitos que nos habitam, dessa maneira de montagem como somos feitos -- eu é muitos. sua gratidão a isso enternece. bjo

Princesa disse...

Pense nisso, lute pelo que você quer,

pelo que você acredita,

você é capaz

basta você acreditar,,,

Tenha um lindo dia!!!

Com o meu carinho e amizade...

Um beijo...

Dalva M. Ferreira disse...

Hmmmm... legal! Bem pensado, bem exposto. Ciuminho desse nhemnhemnhem aí com o missosso.

Dalva M. Ferreira disse...

Fala sério: o cara é demais da conta, não é?

angela disse...

Princesa
Pensarei sim.
beijo

angela disse...

Missosso
Fico feliz que tenha gostado
beijo

angela disse...

Dalva
Obrigada pelas palavras.
Quanto ao ciuminho....cá entre nós eu também fico quando elogia você.
Acho ele demais, sim.
beijos

Stella Tavares disse...

Você, amiga, é um desses seres que não nos permite cristalizar, mudam o rumo de nossa caminhada. Concordo com tudo que disse e esta sua forma de encarar e falar do amor.
Bjos.

disse...

Olá Angela!
Bela carta aos que te amam e a quem você também ama. Agradecer é uma boa maneira de conservar e manter quem amamos por perto. Ingratidão mata os bons sentimentos nos afastando. Foi ótimo tirar esse pozinho...rs, ficou tudo reluzindo agora!
Aproveito o ensejo e agradeço sua visita. Bjins e até!

Daniel Costa disse...

Angela

Apreciei deveras a prosa, que contém matéria que parecendo banal não é. Dá para reflectir em muitos aspectos da vida. Por exemplo temos de ter mesmo em contra procurarmos estar ao lado de quem nos é superior. Depressa somos vistos seus apreciadores, enquanto temos a humildade de aprender mais, visto que depressa somos notados, porque não é mais que quermos ainda aprender, mas porquês.
A partir daí abrem-nos o caminho e a humildade tem o retorno de mais sólida sabedoria futura.
Já agora, o mesmo com companheiros. Com vida a dois! Se não procuramos alinhamentos com mentes que procuram sempre ser superiores, ficaremos inferiores.
Daniel

Carla disse...

Oi Angela, adorei o seu texto. Pura verdade: os encontros nos transformam! Obrigada pela visita.
Foi muito bom passar por aqui! Um abraço!!

AFRICA EM POESIA disse...

Angela
A propósito hoje deixo...


O amoe é sempre Amor...

Como falar de Amor nunca é demais deixo umas linhas...

A tua carta de ...AMOR.


A tua carta de amor...
É mesmo...carta...
Carta...
De pensamentos...
cruzados e ditados...
Que se juntam...
Se ligam...
E tentam...
Ser mesmo...
Carta de Amor...


LILI LARANJO

MOMENTOBRASILCOM.COM disse...

Àngela,confessoq sou meio duro na queda. Mas,êste texto s/pôs-me a refletir. Abrçs Roy Lacerda.

RosanAzul disse...

Belo texto!! Cada pessoa que passa em nossas vidas deixa um pouco de si e leva um pouco de nós!! Parabéns!! Beijos Luz! Ro

angela disse...

Stella
Penso que pensamos parecido em muitas coisas.
Gosto muito dos seus textos.
beijos

angela disse...

Jo
Prazer te-la aqui.
Ficar reluzindo é bom demais.
beijo

angela disse...

Daniel
A ídeia é essa, refletir sobre a vida, já que concluir é tarefa impossível.
Obrigada pelos comentários
abraços

angela disse...

Lili
Obrigada pela poesia.
O amor é sempre amor e por mais que a gente fale ele nos escapa incompreensivel sempre, por isso é materia tão boa para a poesia.
beijos

angela disse...

Roy
Refletir é sempre bom.
Obrigada pela visita
beijos

angela disse...

RosanAzul
Lembrou um aspecto importante, que o outro leva um pedaço da gente.
beijo

Ana Lúcia Porto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Lúcia Porto disse...

Oi Ângela,
Agradeço a sua visita e as suas palavras.
Linda a sua carta...
Eu também penso que seja por aí... Costumo preservar (=respeitar) as pessoas, sendo que as amo quando nos proporcionam (não apenas a mim) grandes mudanças benéficas, em termos bastante generalizados.
Beijos,
Ana Lúcia.

Escrevo palavras e choro poemas disse...

Lindo querida! amei conhecer seua espaço! bju enorme!

Nanda Botelho disse...

Obrigada pela visita! Adorei seu comentário poético!

Uma das delícias de existir é aprender a conviver com os diferentes!

Abraços!

angela disse...

Carla
obrigada pela visita e pelo carinho.
abraços

angela disse...

Ana Lucia
Obrigada pela visita e pelos comentários pertinentes.
abraços

angela disse...

Escrevo palavras...
Seu blog é muito bonito, obrigada pela visita.
abraços

angela disse...

Nanda
Tem razão é muito bom conviver com o diferente.
beijo

Princesa disse...

Obrigado pela visita

" A realização tem muitos degraus.
Coloque ação no seu objetivo.
Confie em você mesmo!"

Um beijo

Aqui - Ali - Acolá disse...

Correndo pela net fora encontrei este lindo blog e, como tal, deixo aqui meu comentário breve.

Amor:

Palavra tão antiga, tão falada, tão sentida que só poderá ser realizada por quem a tiver dentro de si.

Se na vida não existir amor no coração de cada pessoa, então essa pessoa será de um mundo diferente.

Felicidades no novo dia..

Silvio Koerich disse...

Sou da linha que as pessoas que entram na nossa vida só entram pra te ferrar e destruir, dificilmente alguém entra pra somar, e se entra, é porque é um interesse mútuo pra ambos terem vantagens e não algo altruístico.

angela disse...

Princesa
Tem muitos degraus e nem sempre conseguimos subir todos.
beijo

angela disse...

Aqui-Ali- Acolá
Bonito seu comentário e concordo que tem que ter dentro o amor para poder vive-lo.
Obrigada pelas palavras.
abraços

angela disse...

Silvio~
Não falei de altruismo, nem de somar, mas de poder aprender com as pessoas que passam em nossas vidas, poder enriquecer com o contato humano. Não é uma questão de matemática.
Coração muito ferido o seu.
Abraços com carinho

Clotilde S. disse...

Angela,
Na verdade cada pessoa que surge na nossa vida, traz consigo um propósito, uma lição, seja positivo ou negarivo, sempre vem para nos ensinar alguma coisa.

Gostei muito desta sua abordagem.

Um abraço grande,

Clo

Selena Sartorelo disse...

Olá Angela...Gostei da tua maneira de escrever amor com muitos aspectos..mas em todos ele é o mesmo. Beijos

angela disse...

Clotilde
Temos um pensamento bem semelhante.
Obrigada por estar aqui
abraços

angela disse...

Selena
São muitas as formas de amar, são muitos os tipos de amor, e um único e mesmo sentimento.
abraços

Hod disse...

Aloha Angela!!,

Sua carta de amor mostra-me o tamanho de seu amor, que bastante intenso e com muita gradidão que desvelou, compartilhou com todos esse sentimento que resga ou explode o coração!

Obrigado pela sua visita, mandou bem!!!

Bjss!!
Aloha!!
Hod.

angela disse...

Hod
Obrigada, mas ganhei muito na vida.
Um prazer te-lo aqui
beijo

Luis Bento disse...

Adorei o encontro...com a sua carta!

Clara disse...

Olá Angela!!
primeiro obrigado pela visita, e desculpa a bagunça que está meu blog, estou ajeitando.
e parabéns pelo texto!!
bela perticipação no coletivo!!
beijo

angela disse...

Luiz Bento
É bom ve-lo aqui.
abraços

angela disse...

Clara
Encantei-me com as palavras, nem reparei se tinha bagunça.
Obrigada pela visita
abraços

IdoMind disse...

Olá Angela

De facto o AMOR está onde o quisermos ver...cada vez mais me convenço que se ele está dentro de nós inevitavelmente estará à nossa volta.Como uns óculos que nos fazem ver tudo conforme a cor das lentes.

Bela participação e obrigada pelas tuas palavras, espero mesmo receber uma carta de amor

Beijinhos

Marta disse...

O AMOR PARECE ILUSÃO
DOCE SENSAÇÃO QUE DISPERTA O SANTO QUE HÁ EM MIM.O AMOR NÃO TEM RAÇA,RELIGIÃO...
AH,O AMOR É PARA FESTEJAR,SORRIR,CANTAR...
VIVA O AMOR!
MARTA MACIEL

Angela Guedes disse...

Oi Angela!!!
Sua palavras deixada em meu blog,me deixou muito feliz,muito obrigada.
Beijinhos
Angela

Andreia disse...

Olá Angela adorei sua visita e palavras em meu blog! Lindo teu texto, parabéns pela participação!!!
Beijos ternossss....

angela disse...

IdoMind
Obrigada pelas palavras e concordo que o amor tem que estar dentro para poder ser reconhecido fora de nós.
abraços

angela disse...

Marta
Viva o amor.
abraços

angela disse...

Oi Angela
Muito bom ve-la aqui, não nos abandone.
abraços

angela disse...

Andreia
Obrigada pelas palavras e pelos beijos ternos.
beijos amigos

Francine disse...

Oi! Vim agradecer a visita. Adorei o tema do 'Vou de Coletivo', deixou muitos blogs mais sentimentais! rs

Adorei seu blog, voltarei com mais tempo para ler os seus contos direitinho. um beijo!

angela disse...

Francine
Obrigada pela visita.
venha mais vezes
abraços

Karina disse...

Olá Angela!

Achei muito interessante sua carta, principalmente pelo fato dela se referir às mudanças que um relacionamento nos provoca ao longo da vida. Por mais doloroso que seja o relacionamento, sempre nos acrescenta algo. E como você disse, deixa marcas.

Adorei o blog, me identifiquei demais com seus textos!

Ah!Lendo seu perfil vi que seu signo é Virgem, o mesmo que o meu! =)

Beijos

Humana disse...

Olá Angela,
passei para te visitar com a sugestão de um amigo comum e gostei do que li.
Escolhi exactamente este texto porque fala de amor e da forma como as pessoas que passam pelas nossas vidas não passam em vão.Deixam sempre marcas.Umas boas outras más mas que nos servem também de experiencia e nos despertam para outras situações da vida.
Um beijinho e passo mais vezes :D
Ana Casanova

angela disse...

Karina
Obrigada pela visita e pela leitura atenta.
abraços

angela disse...

Oi Humana
Bom te-la aqui e melhor ainda que gostou dotexto.
Depois vou visitar seu blog.
abraços

Bia disse...

Obrigada pela visita e pelo comentário, Angela! Gostei também da sua idéia de falar sobre um dos aspectos do amor, e dos presentes que as pessoas que passam pelas nossas vidas nos proporcionam... às vezes, algumas delas ficam por pouco tempo, mas deixam lições jamais esquecidas.
Grande abraço!

angela disse...

Bia
Obrigada pela visita
abraços

Chris... ჱܓ disse...

Olá!
Obrigada pelas palavras de carinho no meu blog.
Gostei da tua carta de amor... Bem interessante.
Parabéns!

Volte sempre Lá.
Bjos mil...

angela disse...

Chris
Obrigada pela visita.
voltarei, sim
Beijo

Margarida Piloto Garcia disse...

É sem dúvida uma verdade que na nossa vida os outros vêm trazer amor...às vezes.Mas também trazem coisas piores.O remédio é aprender com todas.

angela disse...

Margarida
Sem duvída é aprender com todas.
Obrigada pela visita
abraços