domingo, 22 de novembro de 2009

Incertezas

Minha alma distraída...

Seu olhar brilhou no meu...

Ou foi o meu que brilhou no seu?

Temos o mesmo desejo...

Ou o desejo é só meu?


(grafico retirado do google)

54 comentários:

Sandra Botelho disse...

Que o brlho do olhar e o desejo sejam de ambos...
Assim tudo se completa.
Doce como sempre...
Bjos no coração querida e um domingo suave.

Cadinho RoCo disse...

Questões e mais questões!
Cadinho RoCo

Tertúlias... disse...

realmente uma questao complicada...

Chica disse...

Nem precisa saber,O que importa é que brilhou...Lindo!beijos,tudo de bom,chica

.Lis disse...

Esses olhares quando brilham se transformam em noites enluaradas.Que assim seja!
Abraços,
bom domingo,Angela

Hod disse...

Alôha querida amiga Angela!!!
Na Alegria de ver brilhar olhos muitas incertezas desaparecem.
Obrigado pela visita..A Gaivota Voltou a Voar!!

Forte abraço com muitas bençãos!!

Hod.

angela disse...

Sandra
Que seja!
Beijos

angela disse...

Cadinho
Pois é...
beijos

angela disse...

Ricardo
Concordo.
beijos

angela disse...

Chica
Este humor sabio que você tem!
beijos

angela disse...

Lis
Que não seja de apagões..rs
beijos

angela disse...

Hod
A alegria sempre ajuda tudo.
Lindos voos.
beijos

Vieira Calado disse...

Teremos que analisar muito bem o gráfico...

Beijinhos

Beta disse...

Que gracinha...

tereza ferraz disse...

Junção e que bela junção.
bjs no coração.
Um bela semana.

AFRICA EM POESIA disse...

Minha amiga
O regressar a casa é felicidade.
Sentir o teu apoio ainda melhor.
Começo a escrever devagar mas depressa vou estar a 100% tenho certeza
Para ti o meu carinho


AS INCERTZAS MUITAS VEZES SÃO CERTEZAS...

Lara Amaral disse...

Uma graça seu poema!

Beijinho.

angela disse...

Vieira Calado
E continuar no incerto, quanto mais perto se chega mais indiscriminado fica.
Obrigada pela presença
beijos

angela disse...

Beta
Obrigada
beijos

angela disse...

Tereza
Obrigada e boa semana para você também
beijos

angela disse...

Lili
Fico contente por estar aqui.
beijos

angela disse...

Lara
Obrigada.
beijos

Dalva M. Ferreira disse...

Adorei!!!

angela disse...

Dakva
Que bom
Beijos

REGINA GOULART SANTOS disse...

Estou torcendo para que o brilho no olhar seja de ambos e os desejos recíprocos, e então, voilà ...!
Beijos querida

M. Nilza disse...

Bom dia Angela!

Sempre muito gostoso acordar e encontrar vc em meu cantinho.
Seu poeminha nem precisa ser maior para alcançar o horizonte!!... Gostei.

Beijos

angela disse...

Regina
Bom é sentir a vida na gente.
beijos

angela disse...

M. Nilza
Também gosto de encontra-la.
beijos

A Magia da Noite disse...

há desejos que se partilham...

angel disse...

Que o seu desejo se realize no desejo de quem te olha. Que o brilho do olho de quem te olha esteja sempre no seu. Que o encontro seja a realização da vida em sua plenitude.
abraço
angel

angela disse...

Magia
Muitos deles.
beijos

angela disse...

Angel
Bonito o que escreveu.
beijos

Essência e Palavras disse...

Oi sumida...

Alma distraida...
Hum!!! isso é muito bom.

Dá uma sensação de liberdade!!! Adoro!

beejo e boa semana

Rimbaud no Café de Flore disse...

(...) é tão só o meu desejo
que brilha no teu olhar
Não finjas que não o sentes
Só porque não mo queres dar

Gostei do trocadilho por isso alinhei no mesmo diapasão.

Boa semana

angela disse...

Essencia
Obrigada e também gosto da alma distraida.
beijos

angela disse...

Café..
Adorei a continuação do poema.
beijos

AFRICA EM POESIA disse...

Angela

Só agora passei por aqui.
Tenho que me cuidar mas já cheira a NATAL...
Um beijo


Deixo as minhas mâos

MÃOS


Mãos...
Trémulas
Cansadas...
Mãos que esperam...
Por algo que não vem...
Mas esperam...
Pacientemente...
Porque...
Mesmo cansadas...
Afagam...
E acarinham...
E estão à espera
Que venhas...
Porque estão cansadas...
De esperar...
E de sofrer...
E querem...
Com muito carinho...
Dizer-te baixinho...
Vem e deixa-me...
Acariciar-te!...

Lili Laranjo

Marcia disse...

Esses olhares quando se encontram e brilham se transformam em amores!
Beijos e obrigada pelo belo poema que deixastes no meu blog!

manuel marques disse...

Lindinho,

Beijo.

Daniel Costa disse...

Angela

Questões que se podem por, no caso que pode ar subajente, não haverá razão, apenas um pensamnento a equacionar.

No selinhos há um que podes linkar.
Beijos
Daniel

angela disse...

Lili
Sempre um prazer recebe-la aqui e também gosto de ir até lá.
beijos

angela disse...

Marcia
Vai saber...
Que bom que gostou, ele é muito especial
beijos

angela disse...

Manuel
obrigada
beijinhos

angela disse...

Daniel
Obrigada, vou busca-lo.
beijos

Lau Milesi disse...

Oi Angela! Pelo gráfico, chegarão a uma conclusão...[rs]
Lindos versos!
E aí, já pegou o selinho?
Um beijo

E.T. Estranho...no penúltimo post eu apareço com um perfil diferente...Vc sabe o motivo?

wallper.lima disse...

Olá, fiquei feliz com sua visita em meu espaço, e mais ainda por ter gostado do que escrevi e de meus desenhos à nanquim...espero vê-la mais vezes.
Sobre sua postagem achei o poema mto interessante, essa interrogação que sempre nos acompanha, e que nos é necessária.
Acabei de me tornar sua seguidora.
Bjos.
Waleria Lima.

Irene Moreira disse...

Olá Angela Obrigada pela sua visita e comentário e agora estou aqui a me deliciar com tão pequeno e profundo poema onde buscamos nas incertezas a certeza do que desejamos e a alegria desse desejo ser correspondido. Beijos e Boa semana

angela disse...

Lau
O grafico é da indeterminação. Quanto mais mede mais indefinido fica..rs
Achei que vc tinha mais de um perfil...rsrrs
Tipo blog antigo.
beijos

angela disse...

Waleria
Você me vera mais vezes sim
beijos

angela disse...

Irene
Obrigada
beijos

TRIBUNA-BRASIL.COM disse...

Eta mistura danada de olhares. O teu no meu. O meu no teu.Cuidado! podem confundir. Parabéns p/ crescente numero de acessos.Vais ficar famosa rapidinho(rs). ( O INDIGNADO)

angela disse...

O Indignado.
Rsrsr...mistura danada mesmo.
Obrigada
beijos

Karina disse...

Adorei!!

Espero que o desejo esteja presente nas duas partes.

Beijos!

angela disse...

Karina
Quando está nas duas partes é bom demais.
beijos