segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Joaquim III






Recebi algumas reclamações da família do Joaquim. Lembram-se dele? Está algumas postagens abaixo.
Bem as reclamações foram por conta de alguns fatos que não relatei, por achar que seriam um pouco ...digamos ...demais.
Um pequeno resumo para aqueles mais preguiçosos que não irão procurar os textos:
Joaquim nasceu em um 14 de Julho e na infância contraiu meningite, escapou quase sem sequelas, melhor dizendo a sequela que ficou foi o excesso de mimo que recebeu da mãe e dos irmãos e até dos sobrinhos pelo resto de sua vida. Por esses dois fatos, a meningite e a queda da Bastilha, achou-se um premiado e nunca trabalhou na vida, nem assumiu qualquer responsabilidade que não fosse seu bem estar.
Os filhos que foi arranjando por ai, dava o nome dos irmãos como pai e quando sumia as mulheres iam atrás e assim quase estragou o casamento de um deles, depois todos já sabiam que quando chegava uma mulher com criança no colo era coisa de Joaquim e cuidavam deles.
Quando os pais morreram os irmãos continuaram a suprir suas necessidades e mais tarde seus sobrinhos. Foi o primeiro a nascer e o ultimo a morrer.
O que faltou relatar foi a passagem de quando fazia sua viagem a casa de um dos sobrinhos para arrecadar dinheiro.
Estava no ónibus indo de uma cidade a outra, no tempo que as estradas do estado eram em sua maioria de terra e as viagens eram longas, sentou-se ao lado de uma mulher já na meia idade mas ainda vistosa e veio puxando conversa. A Dinorah, esse era seu nome, mulher de prosa fácil e vida idem que logo Joaquim percebeu e se interessou. Conversa vai, conversa vem Joaquim conta que iria visitar um sobrinho que é dentista naquela cidade.
Dinorah diz que o conhece que é muito bom profissional e que ela deve um trabalho para ele. Reclama da vida e diz que em uma cidade pequena é difícil ganhar a vida, que as mulheres ficam de olho, a fofoca corre solta, etc e tal e que não sabia com iria pagar o Dr Regis.
Continuaram conversando até que chegaram a cidade se despediram e Joaquim foi para a casa do sobrinho. No dia seguinte de sua chegada conversando com Regis contou do encontro no ónibus e falou que Dinorah lhe havia dito que devia dinheiro para ele. Regis concordou e mostrou-se resignado, sabia que dificilmente conseguiria receber esse dinheiro, Joaquim foi imediatamente solidário e perguntou ao sobrinho se ele permitiria que ele recebesse em favores a divida de Dinorah. Recebeu todinha e nesta altura da vida já passava dos oitenta.
A segunda passagem diz respeito a morte de Joaquim, contei que ele morreu tentando agarrar a enfermeira que estava trocando seu curativo. Isto foi assim mesmo, com a resalva que naquele tempo de Santas Casas, as enfermeiras eram freiras e não contei que no enterro dele foi muito difícil as pessoas se conterem, alguns sorriam outros tinham que sair rapidamente para rir lá fora, só o padre olhava a todos com ares de censura o que tornava a cena mais engraçada ainda. Todos que se aproximavam do caixão saiam rindo.
Ninguém nunca tinha visto um morto com um sorriso mais safado no rosto, como o Vadinho de Jorge Amado, só que muito antes desse.


(fotos retiradas do google)

47 comentários:

Angela Guedes disse...

Oi Angela!!!
“Desejo que no Ano Novo que se inicia você realmente…

Ouça as palavras que sempre desejou ouvir .

Pronuncie as frases que um dia desejou repetir.

Sinta a emoção que sempre esperou sentir.

Caminhe pelos trilhos que um dia desejou seguir.

Divida o carinho com quem sempre desejou repartir.

Abrace todos os amigos que sempre desejou reunir,
e viva a vida que sempre sonhou existir…”

“Feliz Ano Novo”
Beijinhos
Ângela

Chica disse...

Rsrsrss...Esse Joaquim foi fofo,heim??? Lindo dia e ultimos deo ano!beijos,chica

Sandra Botelho disse...

Que graça...
Bjos querida e muito obrigado pelo carinho.
Bjos no coração!

Angela Guedes disse...

Oi Angela voltei para ler seu post, e dei boas risadas destes episódios...
Beijinhos
Ângela

Norma Villares disse...

Angela amiga da alma,
Que maravilha de história. Gostei demais do enterro de Joaquim "QUINZINHO", rsrsrs.
Bem, que você podia escrever um livro com esta e outras histórias. Serei a primeira candidata a comprá-lo.
Feliz Ano Novo!
Beijo em seu doce coração

angela disse...

Ângela
Obrigada e desejo em dobro tudo isso a você.
Foi um prazer acompanha-la neste tempo por aqui.
beijos

angela disse...

Chica
Ele tinha seus encantos e defeitos terríveis.
beijos

angela disse...

Sandra
Que bom que gostou.
beijos

angela disse...

Ângela
Dizem que ele era uma figura, ninguem conseguia ficar bravo com ele, acho que este era seu grande talento.
beijos

angela disse...

Norma
Você é minha amiga...rs agradeço que tenha gostado do Quim, era uma figura e tanto.
Penso as vezes em organizar as historias de forma a ficarem mais faceis de ler. Do jeito que esta fica tudo misturado.
Obrigada por sua amizade e carinho.
beijos

Marcos Takata disse...

Angela, sua luz sempre brilha em nossa nossa vida. Excelente texto. Segue uma oração para iniciar este ano de 2010.

Senhor Deus,
dono do tempo e da eternidade, teu é o hoje e o amanhã, o passado e o futuro.
Ao ter acabado o ano de 2010, quero-Te AGRADECER por tudo aquilo que recebi de Ti.
Obrigada pela vida e pelo amor, pelas flores, pelo ar e pelo sol, pela alegria e pela dor, pelo que foi possível e pelo que não foi.
Ofereço-te tudo o que fiz no ano de 2010, o trabalho que pude realizar, as coisas que passaram pelas minhas mãos e o que com elas pude construir.
Apresento-te as pessoas que ao longo destes meses amei, as amizades novas e os antigos amores.
Os que estão perto de mim e aqueles que pude ajudar, as com quem compartilhei a vida, o trabalho, a dor e a alegria.
Mas também, Senhor, hoje quero te pedir perdão.
Perdão pelo tempo perdido, pelo dinheiro mal gasto, pela palavra inútil e o amor desperdiçado.
Perdão pelas obras vazias e pelo trabalho mal feito, perdão por viver sem entusiasmo.
Também pela oração que aos poucos fui adiando e que agora venho apresentar-Te, por todos meus olvidos, descuidos e silêncios, novamente te peço perdão.
Nestes dias começamos um novo ano.
Paro a minha vida diante do novo calendário que já se iniciou e apresento-te estes dias, que somente Tu sabes se chegarei a vivê-los.
Hoje, te peço para mim, meus familiares e amigos, a paz e a alegria, a fortaleza e a prudência, a lucidez e a sabedoria.
Quero viver cada dia com otimismo e bondade, levando a toda parte um coração cheio compreensão e paz.
Fecha os meus ouvidos a toda a falsidade e meus lábios a palavras mentirosas, egoístas ou que magoem.
Abre sim, o meu ser a tudo o que é bom.
Que meu espírito seja repleto somente de bênçãos para que as derrame por onde passar.
Senhor, aos meus amigos que lêem esta mensagem, enche-os de Paz, Sabedoria e Amor.
E que nossa amizade dure para sempre em nossos corações.
Enche-me, também, de bondade e alegria para que todas as pessoas que eu encontrar no meu caminho possam descobrir em mim um pouco de Ti.
Dá-nos um ano feliz, e ensina-nos a repartir FELICIDADE.
Feliz Ano Novo!

Bjs

angela disse...

Marcos
Obrigada pela visita pelos comentários e pela linda oração.
beijos

manuel marques disse...

Como sempre mais um lindo texto.

Beijo.

Maria José disse...

Angela querida. Não sei se já lhe deixei esse recadinho. Mas se o deixei e aqui ele volta, é pq vc é muito importante para mim.
Passou o Natal, e com ele, aquela sensação de acomodar num só dia o atraso de bondade e humanidade do ano inteiro.
Façamos diferente. Que possamos destilar um pouco desse espírito natalino em doses diárias no ano que se inicia.
Obrigada pela convivência maravilhosa em 2009. Que esta amizade seja renovada em 2010. Beijos.

angela disse...

Manuel
Sempre gentil
beijos

angela disse...

Maria José
Já deixou, mas pode deixar quantas vezes quiser. É um prazer recebe-lo.
beijos

Lara Amaral disse...

hehehe... Interessante história. Bons contos esses. Parabéns!

Obrigada pelo carinho lá no Teatro.

Beijos, moça!

Depois me passa seu e-mail?

Tyna disse...

Angela

Vim te desejar que 2010, seja o melhor ano já vivido, o primeiro dos melhores!
Muito sucesso,saúde,paz e realizações!
Obrigada pelo carinho com que sempre me recebe, e visita meu cantinho!

Beijos em seu coração

Lau Milesi disse...

Muuito bom Angela.!! Esse Joaquim é muito saliente . Conheci uns Joaquins como esse.
Um 2010 recheado de amor, carinho, saúde, paz e muitas realizações.
Ah... e de muitas histórias e poesias.[rs]
Deixei uma mensagem no meu blog pra você.
Até segunda-feira.

Tertúlias... disse...

Mas o Joaquim, hein????? Adorei o relato!!!! Minhaloinda, ainda nao desejarei um bom Ano pois ainda quero fazer uma postagem amanha!!!!

.Lis disse...

Oi Angela
Já quase na hora de dar adeus ao 2009, passo rapidinho e deixo um abraço bem carinhoso, agradecendo suas visitas e esperando-a em 2010.
Esse Joaquim! tava com saudade dele,rsrs apesar da cara de cinismo absoluto ele deu uma bela história rsrs gostei e espero outras.
Feliz Ano Novo, amiga! estou fora de casa, mas a gente dá sempre um jeitinho de abarçar os amigos. Beijinhos

Norma Villares disse...

Angela amiga da alma e do coração,
É a nossa consciência que se plenifica quando estamos ligado com o Divino.
Que a Divina Luz imanente em nós ilumine seus caminhos neste ano de 2010.
Muita paz e harmonia!
Sublimes abraços

Norma Villares disse...

Angela, gosto muito deste Joaquim.
Beijinhos

angela disse...

Lara
Gosto muito do seu blog.
UM bom ano.
beijos

angela disse...

Tyna
É um prazer visita-la.
Um ano bem feliz.
beijos

ju rigoni disse...

Mas esse Joaquim, hein?! Santa Libido! rsrs

Feliz Ano Novo, Angela!

Bjs e inté!

angela disse...

Lu
vou ver seu blog
obrigada pelo comentário
um ano novo primoroso e feliz
beijos

Princesa disse...

Abra seu coração e deixe entrar toda a alegria da chegada do
ANO NOVO, e com ela novas esperanças e realizações.

Que 2010 traga, a você e aos seus, muita saúde, paz, amor,
harmonia, felicidade e prosperidade!

FELIZ ANO NOVO !!!

FELIZ 2010 !!!
Beijinhos

angela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
angela disse...

Ricardo
Ele foi terrivel...
Personagem bonzinho não dá boa história, da felicidade para quem está por perto
BEIJOS

angela disse...

Lis
Também estou com dificuldades de postagem.
Um feliz 2010.
beijos

angela disse...

Ju
Santa libido!
obrigada e um bom ano.
beijos

angela disse...

Princesa
Um feliz ano novo e obrigada pela companhia.
beijos

Hod disse...

Alôha querida amiga Angela,

Acho esses episódios de Joaquim bastante hilários... Será que ele não tinha outro por dentro...Ho ho ho ho!

Desejando-lhe tb um Feliz 2010 com muitas realizações.

Beijos e forte abraço,

Alôha,

Hod.

Irene Moreira disse...

Angela esse Joaquim teve história pra contar hem?
Amiga um Feliz 2010 cheio de alegrias e muitas realizações e muitas histórias para contar também.
Obrigado por estar sempre presente com seus comentários e hoje até nem percebi que já havias comentado sobre a postagem do Cenário da Vida, pois deixei para finalizar com a minha mensagem que ontem estava exausta e postei sem ela. Depois volte para ler o final e desculpe se sou assim tão elétrica. Beijos e tudo de bom e vou continuar por aqui vendo as outras postagens. Fuiii

Vieira Calado disse...

Grato pelo seu comentário, no meu blog!
Mas veja, nos comentários à minha postagem, o que também não sei se entendo...
hoje.

Bjs

Braulio Pereira disse...

felicidades sempre pelo teu carinho..

sou mais feliz grato pelo teu apoio..

desejo-te tudo de bom.. alegrias

PAZ LUZ AMOR SAÚDE e vida... poesia..

beijos!!!

Rimbaud no Café de Flore disse...

Olá Ângela, este Joaquim, que nem nome tem de galã, revelou-se um incontinente a vários títulos: sexual, imoral, e no limite desprovido de total respeito pelos demais. Um esperto, no mau sentido, como diríamos deste lado do "charco".
Mas neste "conto???" é interessante perceber a atracção do cidadão anônimo por uma filosofia de vida na prática "criticável" mas cuja coerência o Joaquim manteve perante a morte.
Moral da história: ser autêntico na diferença resulta estimulante para as existências mais rotineiras.Como as novelas.
Beijo e um ano cheio de paz (...) tudo o demais virá por acréscimo.

Francisco

angela disse...

Hod
Sei lá quantos ele tinha por dentro...rs
Obrigada
beijos

Maria José disse...

Angela. O Arca está fazendo um ano de aniversário.
Obrigada pela companhia durante o ano de 2009. Que possamos continuar juntos por muito mais tempo, trocando experiências, amizade, sentimentos. Que possamos nos ajudar mutuamente; que possamos crescer como seres humanos e, quem sabe, escalarmos mais um degrau na escala evolutiva. E que Deus nos proteja a todos.
Beijo especial.

angela disse...

Irene
Obrigada pela leitura atenciosa.
beijos

angela disse...

Vieira
Nem tudo da pra entender e nem tudo é pra entender.
Eu que quero teimar em entender.
Beijo

angela disse...

Braulio
Smpre um prazer le-lo.
beijo

angela disse...

Francisco
Pegou o miolo, sem duvída conduta criticavel, mas coerente com ele mesmo e um respiro na couraça social.
beijos

angela disse...

Maria José
Parabéns pelo aniversário e pelo sucesso do blogue
beijos

Karina disse...

Esse deu trabalho hein!
Até quando morreu causou polêmica!

E pelo visto não aprendeu nada com os erros. Pessoa difícil, esse Joaquim!

Beijos!

angela disse...

Karina
Por outro ponto de vista podemos dizer que viveu e morreu coerente consigo mesmo. Não foi grande pessoa.
beijos