quinta-feira, 29 de abril de 2010

Outono

meio desperta
meio sonhando
de cores e de cinzas
minha pele se veste
desapego frutos
despreendo folhas
recolho o superfluo
luzes amenas
alargam minhas noites
estou



Outono

Blogagem coletiva promovida pelo:
Espaço aberto


52 comentários:

Espaço Aberto disse...

Angela,

Quanta beleza há nas tuas palavras... O outono tem esse poder de transformar a nossa paisagem interior.

Obrigada pelo carinho da sua participação!

Um grande abraço...

Daniel Savio disse...

E bem vinda ao outono, e que pelo visto, não é sem sentimento =P

Fique com Deus, menina Angela.
Um abraço.

Carol Lina disse...

Visitei muitos outonos e só agora ouvi falar nos frutos! Bem lembrado!
Saboreei suas palavras!

Lara Amaral disse...

Este estágio outono me pega assim, bem como vc descreveu.

Beijo, Angela!

•.¸¸.•*♥*•.¸¸.• Sanzinha •.¸¸.•*♥*•.¸¸.• disse...

Ângela,

O Outono nos proporciona a calma que as vezes necessitamos.
Lindas palavras, parabéns!

Beijos enormes e muito obrigada por participar com a gente!

Wilson disse...

Bom dia, ângela...
Obrigado pela sua participação .

Desejo a você um dia maravilhoso.

Um abraço , um beijo, um outono cheio de sonhos.

Espaço Aberto disse...

Oi Angela...já passaram por aqui...que bom! rsrs

Chica disse...

Profundidade e beleza nas tuas palavras...Estar outono!Lindo!beijos,chica

Pelos caminhos da vida. disse...

Angela:

Adorei seu Outono, linda a sua participação e foi através dessa primeira blogagem do blog espaço aberto e tb a minha primeira participação numa blogagem é que estou tendo a oportunidade de conhecer novos espaços e tb fazer novos amigos.

Fica aqui o meu convite para conhecer o meu espaço e o meu Outono.

Fim de semana iluminado.

beijooo.

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Mas o outono é bem isso, não?
Desfazer-se da casca e recomeçar!

Beijo grande!

Sonia Pallone disse...

Oi, aproveitando a interação dessa postagem coletiva sobre o Outono, vim conhecer seu espaço e te convidar pra ir lá no meu Solidão de Alma...Fiquei feliz de poder abraçar com você essa estação tão linda e poética, cujos sons fecundam o silêncio e enternece os olhares...Beijos&Carinhos

Carmem L Vilanova disse...

SIMPLESmente belo!
Beijos, flores e muitos sorrisos!

Renato Orlandi disse...

E ainda nem tão quente e nem tão fria. Adorei! Bjao linda!

manuel marques disse...

Lindo os seus escritos.

Beijo e bom fds.



Crepúsculo de Outono

O crepúsculo cai, manso como uma benção.
Dir-se-á que o rio chora a prisão de seu leito...
As grandes mãos da sombra evangélicas pensam
As feridas que a vida abriu em cada peito.


O outono amarelece e despoja os lariços.
Um corvo passa e grasna, e deixa esparso no ar
O terror augural de encantos e feitiços.
As flores morrem. Toda a relva entra a murchar.


Os pinheiros porém viçam, e serão breve
Todo o verde que a vista espairecendo vejas,
Mais negros sobre a alvura unânime da neve,
Altos e espirituais como flechas de igrejas.


Um sino plange. A sua voz ritma o murmúrio
Do rio, e isso parece a voz da solidão.
E essa voz enche o vale...o horizonte purpúreo...
Consoladora como um divino perdão.


O sol fundiu a neve. A folhagem vermelha
Reponta. Apenas há, nos barrancos retortos,
Flocos, que a luz do poente extática semelha
A um rebanho infeliz de cordeirinhos mortos.


A sombra casa os sons numa grave harmonia.
E tamanha esperança e uma tão grande paz
Avultam do clarão que cinge a serrania,
Como se houvesse aurora e o mar cantando atrás.

Manoel Bandeira

ju rigoni disse...

Que lindo, Angela!
É meio assim que eu me sinto em meio ao meu "outono"...

Bjs e inté!

Hod disse...

Nos caminhos pelos quais vislumbramos panorâmicas da finitude, percebo que Entre cada Outono existe uma tênue linha que o separa da
Finitude.

Ler-te sempre traz sossego.

Beijos pra vc Angela,

Hod.

Jacinta Dantas disse...

Desapego. Penso que essa é a palavra que mais de aproxima do Outono. Em noites longas a alma se encontra na oportunidade de se reequilibrar. Então, viva o outono que em seus versos respiram.
Grande abraço

Olavo disse...

Um outono perfeito...
Beijos

José Doutel Coroado disse...

Cara Angela,
gostei, bem bolado, muito cheio de sentidos.
parabéns
abs

EDER RIBEIRO disse...

de cores e de cinzas
minha pele se veste

vc sintetizou bem o outono neste versos e com uma bela vestimenta. Bjos.

Manu disse...

Olá Angela! Os estados de alma é que definem as estações. Que bom é existir tantas formas de ver o Outono. Beijo Luso

Majoli disse...

Hoje estou até sem sono, são tantos novos amigos pra visitar, não quero esquecer de nenhum.

Que coisa boa esta blogagem coletiva sobre o outono, pois cheguei aqui no teu espaço Angela e falastes de um jeito tão manso sobre o outono que me encantei, parabéns.

Beijos no ♥ e um bom final de semana.

Andreia disse...

Angela querida,
lido demais teu poema!
bela tua paticipação!
Obrigada por tua carinhosa visita.
Doce beijo na alma...

Daniel Costa disse...

Angela

Sem mais aquelas, adorei a simplicidade desta visão poética do Outono.
Beijos
Daniel

manzas disse...

Olá!

Aproveitando a interacção de amigos
Nesta postagem colectiva, para visitar este espaço
Para deixar um abraço
E que, de cada Outono,
Sucedam sempre lindas Primaveras!

Brilhante postagem!

Um bom fim-de-semana
Com um (e)terno abraço na alma!

- Moisés Correia -

Marliborges disse...

É muito bom "estar" outono. Parabéns linda postagem! bj

José disse...

Olá Angela,
Vim agradecer a sua visita, e dizer-lhe que gostei do seu blog,e da maneira como pinta as cores do seu Outono,

um beijinho,
José.

lis disse...

Ficou lindo Angela.
Uma participação singela, um poema lindo.
Parabéns.
abraços, ótimo dominglo,tá

Liene disse...

Angela,

Seja sempre bem vinda ao meu cantinho!
Obrigada pelas gentis palavras deixadas lá...

Um lindo dia para você!

Beijos

Tertúlias... disse...

desta vez nao consegui me entregar as tuas palavras... a razao? é que hoje, aqui, tivemos o primeiro dia REAL de primavera... e o corpo todo transmite esta felicidade tao íntimamente ligada aos raios de sol... coisa rara aqui...

Poeta Mauro Rocha disse...

Ola!! Belo poema!! E bela participação nessa blogagem coletiva. Gostei do seu blog, interessante!!

Um abraço!!

JoeFather disse...

Perfeita mensagem a amiga nos trás! Parabéns por tão bela inspiração e participação na postagem coletiva!

Abraços renovados!

Anne Lieri disse...

Angela,muito linda sua participação!Tb estou outono!Bjs,

Mari Amorim disse...

Olá!!!
que maravilhosa participação,parabéns!fico feliz com esta postagem que une e dá um colorido especial em nossas vidas.Desculpe-me,só pude vir hoje,tb participo desta festa.
Boas energias
Mari
http://sempretensoesamorcontos&causos.blogspot.com/

In Pressões disse...

Lindo! Tb estou outono...

Aqui - Ali - Acolá disse...

Olá Angela bom dia:

Simplesmente belo sua postagem.

De cores e de cinzas minha pele se veste.

Aqui nestas palavras, tudo se reflecte com um toque de magia de quem sente as coisas numa onda de sublime despertar as mentes mais diversas.

Parabéns Angela por este tão belo post.

Bjos, bom Domingo cheio de paz e alegria.

Deia disse...

Angela, obrigada por ter me guiado até o destino certo! "Estou Outono" é a síntese do dia de hoje: muitos frutos sendo colhidos nesses blogs criativos que encontramos nessa blogagem coletiva.

Já estou lhe seguindo, vejo suculentos frutos nesse seu jardim! Um abraço de paz, Deia

Tânia Marques disse...

Tem um selo para o teu blog lá no Palavras e Imagens.
http://www.marquesiano.blogspot.com
Parabéns!
Beijos.

Felina Mulher disse...

Parabéns! Uma participação simplesmenye maravilhosa, descreveste o outono de uma forma linda e profunda com palavras tao simples.Perfeito!


Um beijo e um lindo domingo.

MOMENTOBRASILCOM.blogspot.com disse...

Ângela: Sempre com sonetos inteligentes. Dizem que as "Psicólogas" quando expressam os próprios pensamentos, transformam-se nas quatro estações. Bem-vindas e "BENDITAS", sejam!. Abrçs. Roy Lacerda.

Lady disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lady disse...

Olá!
Sua participação ficou linda.
Parabéns!
Tenha uma ótima semana.
Bj

Rosana disse...

Angela, obrigada pelas palavras carinhosas e encorajadoras, estou vestida de outono, não estou me penalizando, apenas sentindo a dor, amar é um dom supremo, dedicar-se a alguém é nobre, não me arrependo, mas cheguei ao limite da insensatez e agora quero recuperá-la, com a mesma dignidade que sempre tive, dedicar-se a alguém sempre valerá a pena, porém as pessoas têm o livre arbítrio de aceitar ou não o nosso amor, alguns tem amores para escolher, o meu, talvez não tenha sido suficiente, mas vou tocar a vida, me senti privilegiada e honrada com a sua visita, espero que me de esse prazer mais vezes, beijos em seu coração!

Rosana Morena!

Cecília disse...

Só consegui vim hoje.
Adorei sua postagem, muito bonita!

Beijos
Tenha uma ótima semana

Norma Villares disse...

Olá Angela,
Este sentimento de outono com a mistura de chuva fina, dá uma vontade de deitar enroladinha e ficar ouvindo os pingos da chuva caindo de mansinho, com o cheiro de terra molhada exalando seu perfume.
Muito bom!
Estava sumidinha, porque fiquei um pouquinho jururu... tá passando...
Melhores abraços

Norma Villares disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Espaço Aberto disse...

Você que participou da nossa 1ª Postagem Coletiva, não pode perder a entrevista com a nossa amiga Vivian.

Conheça também o vencedor do Sorteio do Livro de Poesias!

Muitas surpresas ainda estão por vir em nosso Espaço Aberto!

Contamos com você!

serpai disse...

Olá Angela,

que linda poesia para uma estação não menos bonita.

Oxalá gostes, também, da minha participação.

Sergio (Argentina).

Flávia disse...

Angela querida, só agora consegui passsar aqui pra ler seu texto e, claro, eu amei!
Com poucas palavras, disse tudo!
Parabéns! Também estou outono!
Um beijo pra você!!

Ana Lúcia Porto disse...

Oi Ângela,

Que poema simpático!! Adorei.

Beijos,

VELOSO disse...

Hoje tô meio inverno! Vim caminhar um pouco por aqui!

Sofia Duarte disse...

Surgiram uns problemas, por isso ando agora a visitar os blogs das blogagens...hihi

Palavras que se despem como algumas árvores no outono, daquelas que permanecem belas, despidas e repletas de vida... Mesmo quando continuam sobre o longo inverno...

Parabéns pela blogagem!

____________
Aproveito para divulgar mais um pouco sobre um projecto que gostaria muito que visitassem,

São várias personagens, com postagens às Quartas-Feiras e aos Sábados, em que cada personagem conta as situações no seu ponto de vista com passados conturbados, cheios de mistérios e muitos podres, a situação piora quando eventos do passado voltam para assombra-las; Memórias, pessoas, crimes passionais e tudo mais.

Tomem em conta de que somos apenas amadoras, escrevemos por amor a camisola e não é nada de muito Espectacular!!
Para puderem visitar,
http://theunforgivensouls.blogspot.com

Eu acredito imenso no sucesso deste projecto, mas claro que sem divulgação ninguém toma conhecimento, por isso resolvi deixarvos um pouco sobre o assunto juntamente com os meus comentários da blogagem colectiva.
E peço desde já desculpa por qualquer incómodo que cause.

Um abraço!