quinta-feira, 14 de outubro de 2010
















és infinitamente estranho!
mais louco
mais roto
que qualquer ser humano

veja a agonia
o borbulhar constante da alma
arquejante
sem repouso
sem guarita

o olhar cruel
a voz treinada
controlada
o corpo inchado
o andar pesado
(sabes que a profundeza é o seu lugar)

como podes encontrar
um colo macio
um alento
se a sua pele
é veneno
é espinho

és infinitamente letal!

28 comentários:

manuel marques disse...

"Dá-me veneno para morrer ou sonhos para viver."

Beijo.

Rodrigo Rocha disse...

angela passei para conhecer seu blog ele é not°10, show, espetacular com excelente conteúdo você fez um ótimo trabalho desejo muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
Um grande abraço e tudo de bom

Chica disse...

Profuuuuuundo e lindo,Angela!beijos,chica

EDER RIBEIRO disse...

Não sei se senti o espinho ou se o veneno, mas me falta palavra para comentar. Bjos.

orvalho do ceu disse...

Oi,querida Ângela
Com muita correria, há 15 dias fora, viajando pra cá e pra lá, chego cheia de saudade dos amigos... Como está vc, amiga? Tomara que muito bem!
Nossa!!! Tudo de acordo... pensar que é tão verdadeiro e "humano" o que se parece "animalesco"...
Abraços fraternais com meu carinho.

M. Nilza disse...

Oi, Angela!
saudades dos seus versos tão cuidadosamente escritos.
Beijos

Deia disse...

Um colo macio para quem não merece ficar na superfície. Há anjos caídos disfarçados de gente entre nós... Beijos, Deia.

Gilmar disse...

Estou aqui, Angela, tentando decifrar a raivosidade da fala, imaginando o desencontro possível. Nem sempre o poeta consegue ser plenamente entendido, entretando, aqui me deparo com cenas comungadas num cotidiano de relações plurais. E, nesse caso, é legítima a raiva e faço-a minha.

Meu carinho a você!

Daniel Savio disse...

Complexo, mas tem gente que parece que vive para se envolver com gente ruim...

Respondendo, você acertou (na verdade, não tinha exatamente um resposta errada), pois sou, não que é fale em terceira pessoa, mas são sequência de pensamentos que eu tenho...

Fiz isto por dois motivos:

Primeiro: Saber como cada um me vê, porque era literalmente um grando em branco para cada pessoa, que então preenche com o que passei de mais importante para ela.

Segundo: Demonstrar como eu penso, pois eu acabo realizando alguma tarefa, mas ao mesmo tempo, o meu pensamento roda solto (é claro que para tarefas que não exija concentração, não quero que confundo os momentos como aquela piada sem graça diz "hah, tem de limpar a parede" quando está num momento mais intimo), muita vezes, quando eu saio com Botafogo fico pensando na vida, sobre as possibilidades possiveis e impossiveis.

Obrigado por participar da brincadeira =P

Fiquem com Deus, menina Angela.
Um abraço.

Sandra Botelho disse...

Algumas pessoas são puro veneno.
Bjos achocolatados e lindo final de semana pra ti.

Lau Milesi disse...

São demoniozinhos/demoninhos que nos infestam, vez em quando. Compreendo você. Alho, cruz e poesia contra eles. Medicamentos curadores. :)
Amei o poema!

Beijo

E.T. Não esqueci da brincadeira, viu? :)

Stella Tavares disse...

Adorei! Estou encantada e feliz por voltar aqui e rever os seus escritos. Saudade de você, amiga. Depois volto para me interar de tudo que perdi nesse tempo de afastamento.
bjs

Maria José disse...

Angela. Bonitos versos, uma forma poética para expressar o umbral. Beijos e bom final de semana.

Ivana disse...

Boa tarde Angela,

Leio e releio seus versos várias vezes, você faz isso, faz a gente pensar mesmo, e isso é ótimo. Quem não quer um colo macio, um alento? Um abraço, querida poetisa, e um final de semana com muita paz e alegria!

lis disse...

Sao sentimentos estranhos , agonias, olhares , andar pesado.
Nem sempre conseguimos evitar que nos arrastem pra fossa ou pro fosso. rs
colo macio talvez nao Angela, apenas uma couraça ..
viajei legal aqui rsrs
abraços amiga voce me ensina.

xunandinha disse...

TUDO É VIDA TUDO TEM O SEU LADO MENOS BOM ,MAS TUDO TAMBÉM CONSEGUE TER AMOR .BEIJINHOS E UM FORTE E GRANDE ABRAÇO QUERIDA

Mimo Chic disse...

Caramba, querida Angela, vou passar o fim de semana pensando,rsrs
bjs
Lulu & Sol

Pérola disse...

Boa noite minha amada.
Obrigado pelo seu carinho.
Nossa!!!Tá tudo lindo por aqui,parabénssssssssss.
Voltei amada.
Beijokas millllllllllllllllllll.

Daniel Costa disse...

Angela

Um corpo estranho é míter ser cuidadosamente analisado, efectivamente, pode mesmo ser letal.
Beijos

Tertúlias... disse...

Angela, até me amedrontei desta vez...

o olhar cruel
a voz treinada
controlada
o corpo inchado
o andar pesado

Conheci uma "fera de Penha" e uma outra "fera" em Berlin (esta é masculina) que se aproximam à esta descricao... Tive medo desta gente... muito maus e negativos... e os reli aqui! Voce é uma MESTRA nas descricoes... WOW!!!!!!!!!!!!!

Lara Amaral disse...

Nossa, Angela, carregado de algo semelhante àquele do meu último poema do Maria Clara. Muito bem escrito, adorei!

Beijo, flor.

Renato Orlandi disse...

Tem muita coisa a se preparar e aprender para não sair machucando as pessoas neah..... não sei.... ^^ bjuuu!

Hamuch disse...

Você escreve e descreve com perícia e arte.
abs

gabyshiffer disse...

Texto forte e perfeito!

Vim lhe desejar bom findi e agradecer pelo carinho da sua visita
Beijos na alma!

"Cada dia que amanhece assemelha-se a uma página em branco, na qual gravamos os nossos pensamentos, ações e atitudes. Na essência, cada dia é a preparação de nosso próprio amanhã." Psicografia de Francisco C. Xavier.

Chica disse...

Volto pra desejar um lindo domingo.beijos,chica

Majoli disse...

Angela, embarco com você nesse desabafo, faço minhas as suas palavras.
Sabe que dedico essa sua poesia pra alguém que dediquei-me tanto, dei colo, dei carinho, dei alento..e ele nunca soube reconhecer.
:(
Beijos de um bom domingo.

Irene Moreira disse...

Angela

Temos que evitar o contato com o veneno e o seu lugar é nas profundezas.

Por falar nisso essa foi fundo.

Beijos

Karina disse...

Conheço muita gente assim.

Beijos!