segunda-feira, 8 de novembro de 2010


















Eu que vivi sem pátria
entregue
vaguei

um fantasma
sem rastros,
marcas

nada permanece na alma
cada dia
o vazio

exausta
durmo


33 comentários:

José Doutel Coroado disse...

Cara Angela,
bom poema!
triste... mas muito bom!
abs

Chica disse...

Intensa, profunda e linda!beijos, lindo dia,chica

Mari disse...

Bom dia minha querida...
Às vezes a gente se sente esvaziada na alma!
Beijos

Lau Milesi disse...

Angela, querida amiga,brinquei com você no meu último post porque , certa vez, perguntei com quantos anos os amigos se "sentiam" e disse, no meu post, que primeiro as "visitas" falariam, lembra? [rs]
Angela, estou em viagem de trabalho e não expliquei bem no post, foi tudo muito corrido. Mas agora você já sabe o que é:)Não estou podendo ficar por aqui muito tempo, mas quando li seu comment, vim correndo falar com você.Quanto ao poema,belíssimo, te digo que que são "momentos" que vivemos e o melhor a fazer é dormir. Pior quando não nos deixam...Os "nos", aí, são os famosos grilos. Amei seu poema!!!

Amanhã voltarei ao blogspot. Beijossss

E.T.Foi legal porque você aproveitou o gancho e falou sobre a revista. :

Lara Amaral disse...

Intenso, forte, muito bom, querida!

Beijo.

Daniel Savio disse...

Poesia interessante, mas por que penso que ela se encaixa há muitos brasileiros por ai que deixaram de acreditar no Brasil...

Fique com Deus, menina Angela.
Um abraço.

manuel marques disse...

A pátria tem qualquer coisa de divino que faz chorar quem se ausenta dela ...


Beijinhos Angela

EDER RIBEIRO disse...

Não sei se vc pensou o poema do modo que li, pois o li do início para o fim e do fim para o início. O adormecer pela labuta, ou a entrega por pátria não ter, nos faz pensar se vale a pena esta luta. Obg. pelo comentário elogioso. Bjos.

Sandra Botelho disse...

Essa exautão, as vezes nos faz deisitir de correr atrás da felicidade...Mas nada como adormecer e acordar com o sol brilhando lá fora, para que a esperança ressurja e com ela novas forças pra seguir lutando.

Bjos achocolatados

Mundo da Lili disse...

Lindo poema!!
Amei
Bjim

Elcio Tuiribepi disse...

Oi amiga..é um poema politico?
Achei super interessante a forma como o Eder fez a leitura...
Li como uma certa desilusão, aquela que nos faz desistir de tudo...dificil alguns poemas, a idéia do poeta...por isso os poemas fascinam...parabéns pela forma e pelo jeito
Um abraço na alma
beijo

lis disse...

Oi Angela
Quando nada permanece na alma é
sinal que foi intenso até a exaustão.
dormindo, o dia amanhece luminoso e as esperanças se renovam,
deixo aqui a minha admiração renovada.
com abraços

Beta disse...

lindo!!!

bj

Mimo Chic disse...

Angela,
acredito que a exaustao é uma valvula para empurrar em algum momento para frente...primeiro o desgaste, depois o conhecimento interior.
Bjs
com carinho.
Lulu & Sol

José disse...

Olá Angela!

Cheguei aqui ao Entremeios, através do blog da Lau, gostei deste seu cantinho, vou sair porque vejo que está um pouco exausta.

Beijinho,
José.

Pérola disse...

Caminhada dolorida essa né amada.
Vim te deixar o meu beijo e meu carinho,eu demoro mas venho tá bom rs.
Beijokas amiga querida do meu coração.

Fatima Cristina disse...

Oi Angela,

percebi que seu lindo poema também "funciona" se lido ao contrário:

"durmo
exausta

o vazio
cada dia
nada permanece na alma

marcas
sem rastros,
um fantasma

vaguei
entregue
eu vivi sem pátria"

Adorei!
Parabéns!

Beijos

MOMENTOBRASILCOM.blogspot.com disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MOMENTOBRASILCOM.blogspot.com disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MOMENTOBRASILCOM.blogspot.com disse...

Ângela: Pelo visto a vida continua mudando de textura nos Entremeios. Abrçs. Roy Lacerda.

Sônia Silvino disse...

Angela, queriiida!
Um novo dia chega e tudo pode ser bem melhor...
Beijocas, muitas!

A. Reiffer disse...

Sintético, moderno, eficiente, intenso! Abraços!

Sandra Botelho disse...

Passando pra deixar-te um beijo e desejar-te dias de luz.
Bjos achocolatados

gabyshiffer disse...

Denso,
forte
lindo!

:)
Bom final de semana pra vc amiga
Beijos na alma!

"Recria tua vida, sempre sempre.Remove pedras e planta roseiras e faz doce.
Recomeça."
Cora Coralina

Daniel Costa disse...

Angela

Um apátrida a vaguear, seguindo um fastasma, lendo um saboroso poema. Foi esta a minha leitura!

B eijos

Jeanne disse...

Lindo e profundo texto. o vazio, ironicamente preenche a dor.
acontece quando o coração cansa de sofrer.
como ninguém vive sem deixar rastros,a possibilidade é de que a caminhada foi difícil, mas a pérola só existe porque a ostra foi ferida...
no final, restam as pérolas...
Beijos

Fulvio Ribeiro disse...

Angela...

Olá, passando para deixar um Abraço.
seu poema dispensa comentários!!!
Felicidades.

Pérola disse...

Beijos de boa noite minha flor.

Sandra disse...

Estamos comemorando.
Você faz parte dessa Comemoração amiga.
Conquistar amigos é conquistar a esperança de de ter encontrado mais uma vida, mais um amigo.
Estou muito feliz em ter você na CURIOSA. Dois anos se passaram e os amigos só foram chegando. Tenho certeza que esta irradiação de pensamento foram se firmando aos longos desse dias, DESSE TEMPO.
A conquista de NOVOS amigos não é muito fácil. mas graças a DEUS tenho este carinho especial e A graça de conuistar as pessoas. A HUMILDADE, a Honestidade e Sinceridade é que nos aproximaram. Quando o coração é tranparente,tudo fica super fácil.
Ser verdadeiro com o outro é um Dom. o Dom da Sabedoria.
Muito obrigada pelo seu carinho e amizade. Estou muito feliz em ter você fazendo parte dessa conquista.
Amigos são verdadeiros frutos que vamos semeando ao longos dos dias.
a conquista é como ostra que encontramos submersas e vamos conservando, e deixando ela com um valor imensuravel.
A amizade é como OURO de longe se vê, é um brilho sem fim...
Obrigado AMIGOS de diversos pontos do BRASIL, MUNDO...
Estou feliz em ter vc a meu lado.
Amigos para sempre é o que nós iremos ser, na primavera ou em qualquer das estações.
Você pode estar longe, muito longe. Mas por te amar sinto você bem pertinho de mim. Pois mora no lado esquerdo do peito:CORAÇÃO...
carinhosamente,
Sandra

Espaço Aberto disse...

Bom dia!
Nossa postagem de hoje requer a sua reflexão: Se na história Cristo e Maria Madalena fossem realmente casados o Mundo seria diferente?
Venha ler o texto e nos contar a sua opinião.
Um abraço carinhoso

Stella Tavares disse...

Marcante, forte, intenso! Adorei!!!!
bjs

Ivana disse...

Oi Angela,

Como "tudo" tem seu lado positivo, o vazio não é diferente no sentido de renovação, de um novo começo. Mais um poema inteligente, como os outros seus. Um ótimo feriado!

Ivana disse...

Oi Angela,

Como "tudo" tem seu lado positivo, o vazio não é diferente no sentido de renovação, de um novo começo. Mais um poema inteligente, como os outros seus. Um ótimo feriado!