quinta-feira, 30 de junho de 2011

Suplica


O corpo marcado

pelo seu ferrão

não perde a memória


Como esquecê-lo?


A frouxidão

o abismo

o sempre inesperado

susto

-alivio da agonia-


Não pode ficar tanto tempo

longe!

19 comentários:

Lara Amaral disse...

Há marcas que vêm para o bem.

Beijo.

✿ chica disse...

Profundos teus versos lindos! beijos,chica

Sandra Botelho disse...

O amor marca feito ferro quente. Beijos achocolatados

Irene Moreira disse...

Marcas difíceis de esquecer. Em prosa e verso sempre me encantas.

Obrigado pelas palavras de carinho.

Beijos no seu coração

José Doutel Coroado disse...

Cara Angela,
Belo!
abs

Al Reiffer disse...

Gostei, escolheste muito bem as palavras. Abraços!

Lau Milesi disse...

Marcas de/com amor,as eternas marcas.
Lindo e sensual! Amei!!!

Beijosss

xunandinha disse...

O amorrrrrrrrrrrr, palavra quente, fria, viciante.Beijinhos

Aili disse...

Ai meu coração...Eu sei bem!

Muito bonito.
bjs

Lis disse...

Como disse Chico Buarque :"quem há de fechar as portas do coração?"
há momentos que perder a memória seria sensato,mas as marcas ainda assim evidenciariam...
estão lá .
bom sábado Angela
bonita suplica.
abraço

Daniel Costa disse...

Angela

A vida terá de ser sempre vivida de sobressaltos. Do inesperado, sai por vezes o melhor. Exemplificando, com uma cena de caça: "Da mais pequena moita, pode saltar a melhor lebre"
Beijos

Lena disse...

Angela
As cicatrizes deixadas nos faz lembrar de momentos que apesar de terem deixado grandes sequelas, nos ajudaram a entender as agruras de nossas vidas. Bjkas com carinho!

JGCosta disse...

Impossível passar por essa nossa vida sem levar ou deixar uma marca! Assim é!

Belíssima inspiração amiga!

Abraços renovados!

EDER RIBEIRO disse...

O corpo marcado

pelo seu ferrão

não perde a memória

Depois desse versos, eu sou obrigado a jogar confetes. Ângela, quantas interpretações estes versos dariam. Bjos.

Vieira Calado disse...

Obrigado pelos seus votos em relação à minha exposição.

Qualquer ponho um vídeo!


Bjssss

Miguel disse...

Bom dia, Angela!

Amai, pois, a vossos inimigos, e fazei bem, e emprestai, sem nada esperardes, e será grande o vosso galardão, e sereis filhos do Altíssimo; porque ele é benigno até para com os ingratos e maus.
Sede, pois, misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso.
Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; soltai, e soltar-vos-ão. (Lucas 11:35-37)

Que sua semana seja abençoada e de muita paz!

Deus seja contigo.

Blog Yehi Or!
www.hajalluz.blogspost.com

Lena disse...

Angela, minha linda
Tem selinho dos 600 Amigos do Amadeirado pra você. Qdo puder, dê um pulinho lá!!! Obrigada pela sua parceria comigo, amor!Bjkas com muito caronho e um ótimo domingo!

Iит€я€รรǺитт€ disse...

De fato existem coisas que não se podem esquecer, coisas que deixam marcas que nos lembram sempre.
O amor é uma dessas coisas.

Grande Abraço Angela! Ivan R.

Odair Ribeiro disse...

Oi visita!

Passeando, lendo..."alivio, agonia"


Vou, mas volto, inté!